Ambev

A Ambev é a maior cervejaria da América Latina. É controlada pela AB InBev, companhia de bebidas que tem os brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira entre seus principais sócios.

Informações da empresa

  • Ambev
  • Empresa
    Ambev
  • Código
  • Preço atual
    R$ 14,70 2.15%
  • Valor de mercado
    R$ 231 bilhões
  • Setor
    Consumo não Cíclico
  • Sub-setor
    Bebidas
  • Segmento
    Cervejas e Refrigerantes
  • RI
Descrição

A Ambev é a maior cervejaria da América Latina. É controlada pela AB InBev, companhia de bebidas que tem os brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira entre seus principais sócios.

Empresas do mesmo setor
Bombril Camil Alimentos Brf BrasilAgro Biosev Atacadão (Carrefour) Natura SLC Agrícola M. Dias Branco Terra Santa Agro Pomifrutas Marfrig Minupar Josapar Minerva JBS São Martinho Excelsior Pão de Açúcar

Análise da Empresa

O patrimônio líquido da empresa além de ser positivo em 62,6 bilhões vem crescendo consistentemente nos útimos 3 anos. De modo geral, o patrimônio líquido corresponde à riqueza da organização, ou seja, o que realmente pertence aos seus acionistas.

A empresa possui mais caixa do que dívida, o que indica solidez financeira. Indica que a empresa consegue gerar muito caixa, ficando com saldo de disponibilidade que supera o valor do endividamento bruto.

A empresa teve lucro de 1,21 bilhão no último trimestre divulgado.

A margem líquida da empresa é de 23,17%, acima do valor ideal de 20%. Vale observar também que aumentou do seu último ano. A margem líquida reflete o resultado das vendas da empresa. Um valor alto pode indicar vantagem competitiva frente aos seus concorrentes.

A empresa vem pagando proventos todos os anos durantes os últimos 6 anos.

O segmento de listagem é tradicional

Adota nível razoável pra cima de boas práticas em todos os items propostos CVM

Possui valor de mercado expressivo (R$ 231 bilhões)

A empresa teve uma receita líquida expressiva nos últimos 4 trimestres (R$ 52,6 bilhões)

Houve compras significativas (R$ 14,8 milhões) pelos diretores, conselho ou presidente da empresa nos últimos 6 meses.

Houve vendas significativas (R$ 16,9 milhões) pelos diretores, conselho ou presidente da empresa nos últimos 6 meses.

Performance de ABEV3

ABEV3 teve retorno de -11,01% frente ao seu segmento na média dos últimos 5 anos

ABEV3 teve retorno de -11% frente ao índice Bovespa na média dos últimos 5 anos

2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020
ABEV3 35.4% 31.81% 0.47% -1.0% 13.88% -4.37% 33.67% -28.66% 16.61% -22.06%
Segmento 35.4% 31.81% 0.47% -1.15% 40.49% -12.21% 21.46% 3.25% 24.42% -2.29%
IBOV -18.11% 7.37% -15.55% -2.94% -13.31% 38.94% 26.86% 12.84% 27.07% -17.35%

Evolução de R$ 10,000 investidos em ABEV3

Valuation e Preço Justo

O Melhores Ações utiliza o método de fluxo de caixa descontado (Discounted Cash Flow - DCF) para a realização do valuation. Caso tenha interesse em conhecer mais profundamente a metodologia, veja aqui a a ciência por trás do melhores ações.

Preço justo

R$ 6,39

Preço justo

Preço atual da ação

R$ 14,70

Preço atual da ação

A ação está sendo negociada a um preço acima do seu preço justo.

Análise dos múltiplos

Através da análise por múltiplos é possível obter uma visão como a empresa está inserida comparando com o seu setor e com o mercado

Preço x Lucro

Preço por lucro atual está bem acima da média do mercado, indicado uma possível supervalorização.

  • 1º Fertilizantes Heringer FHER3
    0,31x
  • 199º Ambev ABEV3
    21,72x
  • Média do Setor
    21,72x
  • Média do mercado
    9,08x
 

Preço x Valor Patrimonial

Preço por valor patrimonial é superior a 3, indicando que o mercado está aceitando pagar um valor bem superior do que todo seu patrimônio líquido, ou seja, a ação pode estar supervalorizada.

  • 1º Coteminas CTNM4
    0,11x
  • 281º Ambev ABEV3
    3,21x
  • Média do Setor
    3,21x
  • Média do mercado
    1,37x
 

EV / EBIT

EV por Ebit está acima da média do mercado, indicando uma possível supervalorização.

  • 1º Tecnosolo TCNO4
    0,16x
  • 133º Ambev ABEV3
    14,70x
  • Média do Setor
    14,70x
  • Média do mercado
    11,12x

Proventos

3,34%

Dividend yield

2,21%

Crescimento do último ano

74,44%

Payout atual
O total de R$ 100.000 aplicados resultaria em um provento anual previsto de R$ 3.340,00 (ou equivalente a R$ 278,33/mês)

Dividendos distribuídos ao longo dos anos

Payout

O payout da empresa foi de 74,44%. Esse número é a porcentagem do lucro líquido distribuído em forma de dividendos ou juros sobre capital próprio aos seus acionistas.

Os proventos não aumentaram de ano para ano durantes os últimos 3 anos

A empresa vem pagando proventos todos os anos durantes os últimos 6 anos.

Está entre os 25% maiores pagadores de dividendos do mercado.

Distribuiu mais de 55% do lucro para os acionistas porém menos de 95% nos últimos 12 meses. É um percentual considerado alto porém não insustentável.

Transações insider e analistas

Indicação por corretoras e casas de análise

Esse ativo não consta em nenhuma carteira recomendada de corretora.

Esse ativo não consta em nenhuma carteira recomendada das casas de análises monitoradas.

Transações insider

Houve compras significativas (R$ 14,8 milhões) pelos diretores, conselho ou presidente da empresa nos últimos 6 meses.

Houve vendas significativas (R$ 16,9 milhões) pelos diretores, conselho ou presidente da empresa nos últimos 6 meses.

Data Tipo Parte envolvida Quantidade Preço Volume Operação
30/03/2020 Ações Diretoria 928 R$ 14,54 R$ 13.493,12 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações Conselho de administração 58050 R$ 7,47 R$ 433.749,60 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações Diretoria 1832 R$ 14,54 R$ 26.637,28 Exercício De Opções
30/03/2020 Outros - 33658 R$ 14,54 R$ 489.387,32 Entrega Adrs Bônus
30/03/2020 Ações Conselho de administração 34562 R$ 12,55 R$ 433.753,10 Venda à Vista
30/03/2020 Ações Diretoria 2602 R$ 14,54 R$ 37.833,08 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações Diretoria 2940 R$ 14,54 R$ 42.747,60 Exercício De Opções
30/03/2020 Outros - 33658 R$ 0,00 R$ 0,00 Conversão Em Adrs
30/03/2020 Ações - 119421 R$ 12,55 R$ 1.498.733,55 Compra – Planos De Opções / Ações
30/03/2020 Ações - 163975 R$ 1,77 R$ 290.294,78 Entrega Exerc Opções
30/03/2020 Ações - 87500 R$ 1,77 R$ 154.906,50 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações - 103041 R$ 14,54 R$ 1.498.216,14 Entrega Ações Bônus
30/03/2020 Ações - 39135 R$ 8,72 R$ 341.413,74 Entrega Exerc Opções
30/03/2020 Ações Diretoria 2130 R$ 14,54 R$ 30.970,20 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações - 58050 R$ 7,47 R$ 433.749,60 Entrega Exerc Opções
30/03/2020 Ações - 1445 R$ 14,54 R$ 21.010,30 Exercício De Opções
30/03/2020 Ações - 40395 R$ 11,71 R$ 473.025,45 Entrega Exerc Opções
30/03/2020 Ações - 33658 R$ 0,00 R$ 0,00 Conversão Em Adrs
30/03/2020 Ações - 105700 R$ 6,96 R$ 735.545,16 Entrega Exerc Opções
29/03/2020 Ações - 43250 R$ 1,77 R$ 76.568,07 Entrega Exerc Opções
27/03/2020 Ações - 25150 R$ 1,77 R$ 44.524,55 Entrega Exerc Opções
26/03/2020 Ações - 25150 R$ 6,96 R$ 175.013,82 Entrega Exerc Opções
26/03/2020 Ações - 13673 R$ 12,80 R$ 175.014,40 Compra – Planos De Opções / Ações
26/03/2020 Ações - 55200 R$ 1,77 R$ 97.723,87 Entrega Exerc Opções
25/03/2020 Ações - 87500 R$ 1,77 R$ 154.906,50 Entrega Exerc Opções

Saúde Financeira

A empresa teve lucro de 1,21 bilhão no último trimestre divulgado.

Análise dos ativos e passivos

Curto prazo
Longo prazo

Os ativos de curto prazo da empresa (31,1 bilhões) cobrem suas obrigações de curto prazo (25,2 bilhões)

Os ativos de longo prazo da empresa (82,6 bilhões) cobrem suas obrigações de longo prazo (16,4 bilhões)

Dívida líquida x EBITDA

A empresa possui um nível consideravelmente saudável de geração de caixa para honrar com seu endividamento

  • 1º Mitre Realty MTRE3
    -24,60x
  • 43º Ambev ABEV3
    -0,50x
  • Média do Setor
    -0,50x
  • Média do mercado
    1,58x

Dívida líquida x Patrimônio líquido

A empresa possui mais caixa do que dívida, o que indica solidez financeira. Indica que a empresa consegue gerar muito caixa, ficando com saldo de disponibilidade que supera o valor do endividamento bruto.

  • 1º Sul America SULA11
    -198,09%
  • 58º Ambev ABEV3
    -13,56%
  • Média do Setor
    -13,56%
  • Média do mercado
    20,32%

O patrimônio líquido da empresa além de ser positivo em 62,6 bilhões vem crescendo consistentemente nos útimos 3 anos. De modo geral, o patrimônio líquido corresponde à riqueza da organização, ou seja, o que realmente pertence aos seus acionistas.

Potencial de crescimento

A margem líquida da empresa é de 23,17%, acima do valor ideal de 20%. Vale observar também que aumentou do seu último ano. A margem líquida reflete o resultado das vendas da empresa. Um valor alto pode indicar vantagem competitiva frente aos seus concorrentes.

O faturamento da empresa vem crescendo durante os últimos 10 anos, porém não mais que 5 anos.

A taxa de crescimento média da receita dos últimos 5 anos é acima de 5% porém não muito substancial (6,22%).

Receita líquida

Lucro líquido

Solidez e Governança

Nível 1
Nível 2
Novo mercado
Bovespa mais
Mais nível 2

A empresa teve uma receita líquida expressiva nos últimos 4 trimestres (R$ 52,6 bilhões)

Possui valor de mercado expressivo (R$ 231 bilhões)

Adota nível razoável pra cima de boas práticas em todos os items propostos CVM

O segmento de listagem é tradicional

Práticas de governança adotadas pela companhia

Acionistas razoável 15 de 28 práticas adotadas
Conselho de administração bom 39 de 48 práticas adotadas
Diretoria bom 28 de 32 práticas adotadas
Orgãos de fiscalização e controle bom 28 de 36 práticas adotadas
Ética e conflitos de interesse bom 46 de 48 práticas adotadas
Último balanço processado 31/03/2020